Sobre

J. Peron Multiartista

Após inúmeras aparições na TV, J. Peron ficou conhecido nacionalmente como um dos mais importantes imitadores do cantor baiano Raul Seixas.

 

Com um histórico de shows realizados em treze estados brasileiros, o artista pedreirense carrega na bagagem a experiência de mais de 25 anos dedicados às atividades artísticas, seja cantando, compondo, escrevendo roteiros ou produzindo shows.

 

Como ator, viveu o personagem Raul Seixas nos palcos de teatros importantes como Castro Mendes (Campinas/SP), Ruth Escobar e Eva Wilma (São Paulo/SP), sempre sob a batuta do experiente ator e diretor Ton Crivelaro.

 

Não diferente no cinema, no filme “Colegas” dirigido por Marcelo Galvão, premiado em festivais de grande expressão.

 

Produziu e apresentou programas de rádio, trabalhou como produtor no cinema nacional e em programas de TV, além de elaborar shows para artistas covers e bandas de carnaval.

 

Traz ainda no currículo participações em programas como Fantástico, Domingão do Faustão, Tudo é Possível, Máquina da Fama, Programa do Ratinho, Programa Raul Gil, entre outros de grande repercussão midiática.

 

J. Peron criou a primeira “Escola de Covers” do Brasil e fez o lançamento do “Dia do Cover” na arena da Festa do Peão no Rodeio de Barretos.

 

Atualmente se dedica ao cinema, escrevendo roteiros, produzindo e dirigindo filmes e programas de TV. Montou a Z-on CINE e lançou no inicio do ano o filme “O Lobisomem de Pedra de Fogo” que conta com participações especiais de Déo Garcez (Globo) e Paulo Pioli (SBT). O filme está disponível no site da produtora www.zoncine.com.br

Galeria de Fotos

CINEMA

T2RL3303.JPG

Artista de múltiplos recursos, J. Peron é ator, músico, cantor, compositor, roteirista e diretor cinematográfico.


Conhecido como um dos mais notórios imitadores de Raul Seixas e, após se afastar dos palcos devido à pandemia, resolveu se dedicar ao cinema. 

Produziu, dirigiu e atuou no filme “O Lobisomem de Pedra de Fogo” de sua autoria.
Idealizou e concretizou três documentários: “Paixão Nacional – o Futebol no Interior”;
“Fotografia – A Magia do Clic” e “Pedreira 125 Anos”, todos devidamente registrados na
ANCINE – Agência Nacional do Cinema.

Em 1998 como editor do filme independente “Um Trapinha na Mina Encantada” do comediante Carlos Dias (Campinas/SP).

Produziu e atuou nos curtas “A Premissa” (2018) e “Um Romance Qualquer” (2016) de Vinicius Vellys (Rio de Janeiro/RJ) com participação especial de Humberto Martins.

Em 2015 trabalhou na produção do filme “Malasartes e o duelo com a morte” pela O2 Filmes. (Jaguariúna e Campinas/SP).

Prestou serviços novamente para a O2 Filmes como produtor de veículos de cena no projeto “As aventuras de José e Durval (2021).


Foi assistente de direção e responsável pela edição e trilha sonora do Especial de Natal “A Gata
Borralheira”, Obra de Hans Christian Andersen, adptação de Alexandre Cruz - Cia Lazara de Teatro de Amparo/SP (2020).

Contatos para shows:

(19) 9.9677-2383 | (19) 3893-2934